Consultor Imobiliário 

 

Cidade vista de cima

Descrição gerada automaticamente

Localizada no Centro-Sul, a Vila Mariana é um dos bairros queridinhos de São Paulo, considerado um dos melhores para se morar, já que oferece uma ótima infraestrutura, com fácil acesso aos quatro cantos da cidade, abrigando ainda bons restaurantes, bares e baladas. A região está bem próxima ao Parque do Ibirapuera e da famosa Avenida Paulista, oferecendo lazer e entretenimento para seus moradores e visitantes.

O bairro tem um perfil diverso, não só pelos seus empreendimentos residenciais e comerciais, mas também pelo público, uma vez que agrada aqueles que apreciam a vida noturna, como aos que preferem a luz do sol. 

A urbanização do bairro se deu com a construção da estrada de ferro da Companhia Carris de Santo Amaro e com a compra de terrenos por José Antônio Coelho, no final do século XIX, abrindo ruas como Humberto I, Rio Grande e Álvaro Alvim, que permitiram a construção de grandes casarões, como a Casa Modernista. Contudo, um dos principais fatores do progresso do distrito foi a chegada do metrô em 1974

 

Educação

A Vila Mariana é o endereço de dois dos mais tradicionais colégios de São Paulo, o Marista Arquidiocesano e o Bandeirantes. Há outras opções também como o franco-brasileiro Liceu Pasteur e o Colégio Benjamin Constant.

 

Quando o assunto é graduação, é na região que estão localizadas a Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), a Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), o Centro Universitário Belas Artes e a Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação (FAPCOM).

 

 

Gastronomia

Na Vila Mariana não faltam restaurantes e bares, com uma gama que atende a todos os perfis. Por lá, você encontrará o famoso bar do Veloso, que tem como sua assinatura a coxinha de frango cremosa. O local também tem deliciosas caipirinhas, mas chegue cedo, pois o bar costuma ter filas.

 

Seguindo a onda de botecos, a rua Joaquim Távora é um dos points do bairro, com ao menos 10 bares, como o Genuíno, um casarão construído nos anos 1930; Barxaréu, que reúne universitários nas mesas da calçada; Dom Pancho, que serve petiscos mexicanos, e o Bar da Vila, com menu diverso. Outros dois destaques são o Paralelo 12:27, com uma varanda disputada, e o Fortunato, que aposta em apresentações diferentes de seus drinks e pratos.

 

Já os amantes da culinária italiana não podem deixar de saborear as pizzas do Carlitos ou do Quintal do Bráz, que faz parte do Grupo Bráz. Massas e risotos podem ser encontrados nos restaurantes Pasta Nostra e Zino. Para os que apreciam a cultura árabe, não podem perder a oportunidade de conhecer o Khan El Khalili. Além de contar com iguarias tradicionais, os clientes podem se sentar ao chão e assistir as apresentações de dança do ventre.

 

Já para o público que não dispensa uma boa hamburgueria, é na região que estão localizados o Luz, Câmera, Burguer; Jazz Restô & Burguers; Castro Burguer; Box St. Burger & Bar, e o Come On Dog, especializado em cachorro-quente. 

 

 

Lazer

É impossível não lembrar do parque mais famoso da cidade de São Paulo, o Ibirapuera, quando falamos em Vila Mariana. Com uma área verde com mais de 150 hectares, o local conta diversas atrações como o Museu de Arte Moderna, Museu de Arte Contemporânea, o Museu Afro Brasil, Oca do Ibirapuera, Museu de Astrofísica, Planetário e Fundação Bienal. Além disso, o parque conta com uma infraestrutura ao ar livre de tirar o fôlego com o Jardim Japonês, ciclofaixa, pistas de caminhada, áreas para piquenique e quadras para prática de esportes. A alma do Ibirapuera é o seu enorme lago, que conta com uma fonte multimidia que é um espetáculo de luzes e água a parte.

 

O bairro também abriga a primeira construção moderna do Brasil. Localizada na rua Santa Cruz, a Casa Modernista foi construída em 1928 e foi moradia do arquiteto ucraniano Gregori Warchavchik. O espaço está aberto para visitação de terça a domingo.

 

Outro espaço cultural da região é a Cinemateca, no Largo Senador Raul Cardoso, com um acervo de mais de 200 filmes, sendo os mais antigos de 1895. Sua programação conta com clássicos do cinema nacional e internacional, bem como filmes desconhecidos pela maioria. Já na rua Domingos de Morais, o público poderá conhecer a história do Corpo de Bombeiros no Centro de Memórias da instituição. O local conta com diversos objetos como fotos, reportagens e equipamentos antigos e novos. O Memorial tem ainda uma sala dedicada aos grandes incêndios da história dos bombeiros no país, como o Joelma (1974) e Andraus (1972).

 

Próximo ao Centro de Memórias do Corpo de Bombeiros, há também o SESC Vila Mariana, que reúne exposições, shows, oficinas, atividades para as crianças, dois ginásios de esportes, piscina, consultórios dentários e lanchonete.

 

Para os cientistas de plantão, vale a pena conferir o museu do Instituto Biológico, instituição que tornou-se referência em pesquisa agrícola e um dos principais centros de formação de cientistas do Estado de São Paulo. 

 

Localização

A Vila Mariana possui uma localização privilegiada, próxima a grandes vias como as avenidas Paulista (abriga seu trecho inicial), 23 de Maio, Lins de Vasconcelos, Ricardo Jafet, Ibirapuera e Brigadeiro Luís Antônio. As ruas Vergueiro, Domingo de Morais e Loefgreen também cortam o bairro oferecendo fácil acesso aos que transitam pela região.

 

Dicas do que fazer

  • Parque do Ibirapuera
  • Casa Modernista
  • Cinemateca
  • SESC Vila Mariana
  • Avenida Paulista aos domingos e feriados

Transportes

  • A região é atendida pelas estações de metrô Vila Mariana, Ana Rosa e Paraíso. Além disso, por estar perto das avenidas Paulista, Ricardo Jafet e Lins de Vasconcelos, o público possui uma diversidade de outras estações de metrô e linhas de ônibus municipais, conectando a Vila Mariana com bairros, como Pirituba, Santo Amaro, Lapa, Ipiranga, Penha e Vila Industrial. 

Serviços

Bares

Escolas

Restaurantes

Padarias

Farmácias

Faculdades

Supermercados

Shoppings

Hospital do Coração

Hospital Santa Cruz

Hospital Albert Eintein

 

 

Você Sabia?

- O Parque do Ibirapuera, foi inaugurado em 1954, e o seu nome vem do Tupi Guarani, ibirá-puera, o que significa árvores velhas. Antigamente, o local era habitado por uma aldeia indígena.

- A Cinemateca, no século 19, era o Matadouro Municipal que abastecia toda a cidade. A transição foi feita em 1992, quando o local foi tombado como patrimônio histórico.

- O bairro inicialmente chamava-se Cruz das Almas, por conta das cruzes na beira da estrada que sinalizava os trechos perigosos aos viajantes. A mudança de nome não tem data, mas possui duas versões de história. A primeira é que foi uma homenagem à mulher do coronel da guarda nacional Carlos Eduardo de Paula Petit, Maria, que foi a primeira professora da Vila Mariana. Já a segunda, atribui a homenagem à esposa do engenheiro Alberto Kuhlman, que se chamava Mariana.